Trump anuncia planos para lançar nova rede social, a ‘TRUTH Social’

Views:
1

Plataforma começará a ser testada em novembro. Ex-presidente dos EUA também prevê lançamento de serviço de vídeos. Imagem de Donald Trump em 12 de janeiro de 2021
Carlos Barria/Reuters
O ex-presidente americano Donald Trump anunciou na última quarta-feira (20) a intenção de lançar sua própria rede social após ser banido do Twitter e do Facebook devido ao violento ataque de seus seguidores ao Congresso, em janeiro.
Chamada de “Truth Social” (truth significa verdade), a nova rede pertencerá ao Trump Media & Technology Group (TMTG), empresa do ex-presidente.
O lançamento oficial deve ocorrer apenas no início de 2022, mas, em novembro, ela já deve ser testada por convidados, em uma versão beta – o app já está disponível para pré-venda na loja de aplicativos do iPhone.
LEIA MAIS:
As principais plataformas de mídias sociais baniram Trump em janeiro de 2021;
No Facebook, sua suspensão vale até 2023 – no Twitter, ela é definitiva;
O ex-presidente chegou a anunciar um processo contra Facebook, Twitter e Google
“Eu criei a Truth Social e o TMTG para enfrentar a tirania das ‘gigantes da tecnologia'”, disse Trump.
“Vivemos em um mundo onde o Talibã tem uma grande presença no Twitter, mas seu presidente americano favorito foi silenciado. Isso é inaceitável”, acrescentou.
Trump banido
O Facebook e o Instagram baniram o ex-presidente indefinidamente em 7 de janeiro, mas, posteriormente, reduziram a proibição para dois anos. A decisão de suspendê-lo aconteceu após Trump incitar seus apoiadores a marcharem até o Congresso dos EUA – o que culminou com a invasão ao Capitólio e a morte de cinco pessoas.
O Twitter suspendeu permanentemente a conta de Trump, que tinha mais de 88 milhões de seguidores na época, devido ao “risco de mais incitação à violência”. Depois outras plataformas, como YouTube e Snapchat também restringiram o ex-presidente.
Desde então, Trump tem procurado maneiras de recuperar seu megafone na internet, iniciando vários processos contra as gigantes da tecnologia.
Referências ao Twitter
Trump era muito ativo nas redes sociais, sobretudo no Twitter, sua mídia preferida.
Nas imagens da nova rede social disponíveis na pré-venda da Apple Store, é possível ver que o Truth Social se assemelha bastante com essa plataforma, com mensagens curtas e identificações de usuário precedidas por @.
Serviço de vídeos
Além da nova rede social, o TMTG também pretende lançar um serviço por assinatura de vídeos sob demanda, que contará com programação de entretenimento, notícias e podcasts. A programação será liderada por Scott St. John, produtor executivo do famoso programa de televisão America’s Got Talent.
O TMTG fanunciou a fusão com a Digital World Acquisition Corp. e, segundo comunicado, pretende se tornar uma empresa de capital aberto. O grupo tem valor inicial estimado em US$ 875 milhões.
Tentativas de voltar à internet
Desde que foi banido das redes sociais, Trump tem buscado a forma de recuperar sua voz na internet, ao apresentar várias ações contra as plataformas de tecnologia.
Em maio, Trump lançou o blog chamado From the Desk of Donald J. Trump, que, com baixo número de acessos, foi tirado do ar apenas um mês depois.
Trump começou a realizar eventos públicos, inclusive comícios, tentando se manter como o líder republicano mais influente do país.
Ele tem insinuado uma possível candidatura à Presidência em 2024, mas não fez nenhum anúncio sobre seu futuro político.
Facebook, Instagram, YouTube: Trump é bloqueado pelas redes sociais

Curta ou Compartilhe esse anúncio
0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *